Simone Ramos

Avatar

Acne

Doença de pele mais comum na adolescência, a acne vulgar inicia na puberdade e se estende até a terceira década de vida.



O que é ?

Considerada a doença de pele mais comum na adolescência, a acne vulgar inicia na puberdade e se estende até a terceira década de vida. Pode, no entanto, começar mais tardiamente, algumas vezes associada a problemas hormonais como, por exemplo, a síndrome dos ovários micropolicísticos.

Geralmente se apresenta como cravos e espinhas, mas em alguns casos surgem lesões maiores – e às vezes mais severas – que podem causar problemas psíquicos e sociais para o adolescente. A ausência de tratamento adequado pode deixar como saldo cicatrizes antiestéticas e de difícil tratamento.


Sintomas

A acne é caracterizada pelo aparecimento de cravos, espinhas, cistos e até abscessos na pele, conforme a intensidade do caso. Tais sinais costumam surgir na face, no peito, nos ombros ou nas costas, juntamente com aumento da oleosidade da pele. Os cravos são pretos (se fechados) ou claros (se abertos). Manifestações mais graves, os cistos podem drenar pus, deixando por vezes cicatrizes elevadas ou deprimidas.

De acordo com o predomínio de um ou mais tipos de lesões, classifica-se a acne em quatro graus, em escala ascendente:

- o grau I indica a ocorrência apenas de cravos;
- os graus II e III caracterizam-se pela evolução da primeira, com lesões papulosas (pequenas elevações da pele) e pustulosas (pus acumulado abaixo da epiderme);
- no grau IV coexistem todas as lesões descritas anteriormente, além de cistos e cicatrizes. A acne de grau IV, a mais severa, ocorre com mais freqüência entre homens, atingindo a face, o tronco e o pescoço.


Tratamento

Tratamento tópico: higiene com sabonete adequado para o tipo de pele, esfoliantes, géis, antibióticos etc. ​Dependerá do caso e conforme a prescrição médica.

- Limpeza de pele com profissional habilitado.
- Tratamentos orais (inclui antiandrogenos e antibióticos) para casos mais extensos, também por indicação médica.
- Tratamento de marcas e cicatrizes pode ser feito com peelings químicos, laser etc. Sempre com recomendação médica.


Prevenção

Em primeiro lugar é importante não ‘espremer’ a lesão, a fim de evitar a formação de cicatrizes. Caso tenha iniciado um tratamento, convém fazer manutenções regulares até que, com o passar dos anos, os sintomas desapareçam naturalmente.


Footer With Address And Phones